Governança da Informação

  • Processo de Governança da Informação

     

    A Informação é um recurso muito valioso e precisa ser gerenciada e controlada, pois quanto mais confiável e disponível ela for, mais coesa será a empresa e maior será o seu potencial de resposta aos movimentos do mercado e às ações dos concorrentes. O grande desafio está em como capturar, conceituar, organizar e disponibilizar este conjunto imenso de informações, na mesma velocidade em que são geradas.

    Para uma efetiva Governança da Informação é necessário conhecer onde nasce cada Informação dentro da empresa e onde ela é utilizada, a Arquitetura da Informação demonstra de forma clara e sintética o Fluxo da Informação na empresa, numa visão por Processo, a ser utilizada como uma referência para a estruturação de Modelos de Dados e Bancos de Dados.

    A NEXON oferece como serviço, a definição e implantação do processo de Governança da Informação, compreendendo:
    • Definição da Cadeia de Valores do Processo de Governança da Informação com a definição de sua Missão, decomposição dos Subprocessos, e caracterização dos mesmos com a descrição das principais Atividades, Eventos e Resultados gerados.
    • Definição dos Papéis e Responsabilidades com a elaboração do Modelo Organizacional a ser aplicado ao Processo de Governança da Informação, podendo ser constituído por Pessoas lotadas em Unidades Organizacionais distintas, dependendo da abrangência da Cadeia de Valores do Processo e Estrutura Organizacional da Empresa.
    • Definição da estratégia de implantação e direcionamentos para implantação do Processo de Governança na empresa.
    • Implantação do Processo de Governança da Informação de acordo com a estratégia de implantação adotada, compreendendo: descrição dos procedimentos; mobilização dos recursos necessários envolvidos; e disseminação de conhecimento e treinamento relacionado aos novos procedimentos, com apoio durante o período de homologação.

    Com foco no apoio às equipes de desenvolvimento é conduzido um trabalho de “change management” buscando a conscientização dos profissionais quanto ao benefício e importância da Governança da Informação. É realizado treinamento formal nas técnicas e produtos a serem gerados, e o acompanhamento de projetos, apoiando as equipes na elaboração dos produtos e demonstrando, no dia a dia, a aplicação prática dos conceitos propostos.

  • Administração de Metadados

    Através da Administração de Metadados é possível identificar e equalizar visões divergentes sobre os mesmos objetos, promovendo com isto o uso de uma linguagem comum entre os diversos Processos do Negócio. A linguagem comum é instituída através do uso de Padrões de Nomenclatura, unificando Termos de Negócio, conceitos e significados dos Objetos de Negócio que constituem o Modelo de Informação Corporativo.

    A Administração de Metadados é um dos quesitos para a obtenção da Governança da Informação, contribuindo com a adoção de padrões rigorosos, abrangentes e flexíveis a mudanças, para poder viabilizar a reutilização, a estabilidade e a efetiva comunicação do significado dos dados, contribuindo para:

    • Auxiliar no gerenciamento do contexto e conteúdo dos dados ao longo do tempo (Business Meta Data); • Auxiliar na manutenção e administração dos Sistemas de Informação (Technical Meta Data);
    • Criar uma camada semântica entre técnicos e usuários;
    • Permitir aos usuários interpretarem o significado de um dado e analisá-lo de maneira eficiente, ao longo do ciclo de vida da informação;
    • Aumentar a confiabilidade do Processo de Desenvolvimento de Sistemas, permitindo validar a acuracidade da informação;
    • Facilitar a implementação do Processo de Desenvolvimento de Sistemas a partir da padronização de objetos.

    A NEXON oferece como serviço, a definição dos procedimentos, sistemática e instrumentos para realização da Administração de Metadados; definição de Papéis e Responsabilidades e regras para garantir a integração da Administração de Metadados com os processos participantes do Desenvolvimento de Sistemas; definição dos Padrões de Nomenclatura; e sistemática para implantação e manutenção do Glossário de Termos de Negócio.

  • Integração de Modelos de Dados

     

    A integração de Modelos de Dados requer a definição e estruturação de Ambientes que permitam separar os Modelos de Dados que se encontram em desenvolvimento e/ou manutenção, do modelo que está vigente e divulgado. Um mesmo modelo e/ou objeto poderá estar sendo usado e alterado simultaneamente por várias Iniciativas, por isso o Modelo de Dados vigente deve manter-se preservado até que qualquer mudança seja concluída e validada.

    Também é responsabilidade do processo de Integração dos Modelos de Dados, realizar a analise de impacto sobre mudanças em qualquer Objeto de Domínio da Governança da Informação, mobilizando as áreas afetadas para que medidas sejam tomadas antes da implantação das mesmas.

    A NEXON oferece como serviço, a definição dos procedimentos, sistemática e instrumentos para integração dos Modelos de Dados (Conceitual e Relacional) gerados em Iniciativas de TI e/ou Iniciativas de Mapeamento de Processos do Negócio. Este processo oferece uma visão integrada dos Objetos de Domínio da Governança da Informação, por Processo do Negócio e Assunto de Informação.

  • Evolução da Arquitetura da Informação e Sistemas

     

    A Arquitetura da Informação e Sistemas, além de explicitar, em nível macro, a Cadeia de Valores da empresa e demonstrar, de forma simples e clara, o seu Fluxo de Informação, servirá como base para garantir a integração e sinergia entre as diversas iniciativas empresariais, tais como: desenvolvimento de sistemas e/ou aquisição de pacotes, projetos de BI (Business Intelligence), BPM (Business Process Management), certificações (Sistemas de Qualidade, Compliance), Governança, Gestão de Riscos, BSC (Balanced Scorecard), redesenho de processos etc.

    A NEXON oferece como serviço, a definição de procedimentos para construção e evolução da Arquitetura da Informação e Sistemas, correlacionando as informações, modeladas por Iniciativas de TI e/ou Iniciativas de Processos do Negócio, aos Processos/Subprocessos do Negócio onde são criadas e usadas, e aos Sistemas de Informação responsáveis pela manutenção destas informações em Bases de Dados, constituindo-se assim um dos principais instrumentos para alinhar a Informática ao Negócio.

  • Arquitetura Empresarial

     

    A Arquitetura Empresarial é um instrumento de integração de Negócio e TI, onde estão correlacionados os Objetos que representam os Processos do Negócio, Serviços e Componentes, constituindo a Arquitetura de Serviços, com os Objetos que representam as Informações e Bases de Dados, constituindo a Arquitetura de Dados. A Arquitetura Empresarial pode ser vista sob três perspectivas: Conceitual, Lógica e Física:

    • Na Perspectiva Conceitual encontra-se a Arquitetura da Informação onde é estabelecida a correlação das Informações criadas e usadas pelos Processos do Negócio;
    • Na Perspectiva Lógica encontra-se a Arquitetura de Sistemas, principal responsável pela integração do Negócio com TI, onde é estabelecida a correlação entre os Sistemas e Bases de Dados mantidas pelos mesmos, com os Processos do Negócio que são apoiados pelos Sistemas.
    • Na Perspectiva Física encontra-se a Arquitetura da Aplicação e Arquitetura Tecnológica onde é estabelecida a correlação entre os Componentes de Software, Dados e Tecnologia.

    A Arquitetura Empresarial, sob a ótica da NEXON, corresponde a uma estrutura que se propõe a organizar e co-relacionar os modelos criados no Nível Conceitual, representando os Objetos de Negócio, independente da tecnologia a ser adotada ou de qualquer restrição existente na empresa; com os modelos criados no Nível Lógico, representando os Objetos de Negócio transformados e adaptados às características da tecnologia a ser utilizada, garantindo a efetividade (“fazer certo a coisa certa”); com os modelos criados no Nível Físico, representando os Objetos de Negócio transformados em Objetos de Tecnologia que irão participar da implementação de Sistemas, adaptados às restrições da tecnologia disponível.

    A NEXON se propõe a apoiar a empresa na escolha da Ferramenta para implementar a Arquitetura Empresarial e definição dos procedimentos para construção e evolução da mesma, integrados ao Processo de Desenvolvimento de Sistemas.

  • Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas

     

    Um dos fatores críticos de sucesso no Desenvolvimento de Sistemas é a qualidade do seu processo produtivo. Da qualidade deste processo dependem: o nível de correção dos sistemas, o cumprimento de prazos de desenvolvimento, a facilidade de manutenção, a produtividade da área de TI, a eficiência dos sistemas, o nível de atendimento às necessidades dos usuários; enfim, a disponibilização de sistemas realmente efetivos para a empresa.

    Para obtenção de um Processo de Desenvolvimento de Sistemas efetivo é necessária a utilização de uma Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas, que consiste em um conjunto de Atividades agrupadas em Fases e Etapas, para as quais são definidos: Papéis e Responsabilidades, Técnicas a serem aplicadas, Produtos a serem gerados, Padrões a serem seguidos e Ferramentas de Apoio a serem utilizadas.

    A NEXON oferece como serviço, a criação de uma metodologia específica ou a customização de Metodologias de mercado, de acordo com as características e necessidades de cada empresa, compreendendo: definição das atividades, papéis e responsabilidades, infra-estrutura necessária, e implantação desta metodologia no dia a dia da empresa através de sua aplicação em projetos de Desenvolvimento de Sistemas, apoiando as equipes na execução das atividades, aplicação das técnicas e padrões, e elaboração dos artefatos.

    Em complemento a criação/customização da Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas, A NEXON oferece como serviço, a capacitação técnica para os profissionais que estarão participando diretamente do processo de implantação da Metodologia, através de treinamento formal nas técnicas utilizadas.

  • Padrões de Nomenclatura

     

    A NEXON se propõe a complementar e/ou adequar os Padrões de Nomenclatura adotados pela Empresa com o Guia de Padrões de Nomenclatura oferecido pela NEXON, considerando possíveis restrições impostas pelas Ferramentas adotadas.

    A criação de regras para atribuição de nomes tem como propósito:
    • Maximizar a probabilidade de acerto na tentativa de recuperação das informações a respeito de um determinado objeto;
    • Eliminar a possibilidade de existência de ocorrências distintas do mesmo objeto com nomes diferentes;
    • Eliminar a possibilidade de existência de objetos distintos com o mesmo nome;
    • Facilitar o reconhecimento e o entendimento de todos os produtos do processo de desenvolvimento.

    Uma regra de atribuição de nomes definida para atender aos propósitos apresentados acima procura conduzir a nomes dotados de significado preciso. Na maioria dos casos o nome é a expressão sintética do que é ou faz o objeto que ele identifica; em outras palavras, a regra tenta assegurar que uma pessoa capaz de definir / descrever aquilo que ela quer encontrar, possa deduzir o seu nome com mínimo esforço.

  • Glosário de Termos de Negócio

     

    O Processamento do Significado é fundamental para que, mais e mais pessoas, consigam contribuir através do exercício de criatividade, ou seja, é preciso que o real significado dos Objetos de Negócio, considerando os diferentes contextos existentes dentro de uma empresa, seja formalizado e disseminado entre todas as pessoas que participam, de forma direta ou indireta, de sua Cadeia e/ou Constelação de Valor.

    A partir do momento em que há a disseminação do correto significado das informações que fluem pelos Processos do Negócio, a utilização compartilhada se potencializa, a apropriação do significado se dá naturalmente e, conseqüentemente, ocorre a união de forças e energias para a consecução dos objetivos estratégicos da empresa.

    A NEXON oferece como serviço, a definição dos procedimentos, sistemática e instrumentos necessários para a implantação de um Glossário de Termos de Negócio, para que os mesmos sejam propagados e utilizados pelos Processos do Negócio com o mesmo significado.

  • Medidas da Qualidade da Informação

     

    O nível de qualidade da informação deve ser monitorado, através de análise de Medidas de Qualidade definidas para verificar se as Bases de Dados contem Informações Íntegras, e em conformidade com a qualidade esperada pela Governança da Informação na empresa.

    A NEXON oferece como serviço, o apoio na definição das Medidas de Qualidade da Informação, customizando o Guia para Análise de Qualidade dos Objetos de Domínio da Governança da Informação NEXON, à qualidade esperada pela Governança da Informação na Empresa.

    Neste guia, para cada Tipo de Modelo de Dados (Conceitual ou Relacional) são relacionadas e descritas as Medidas de Qualidade que devem ser verificadas, bem como os Requisitos de Qualidade padrão associados às mesmas no caso de não serem atendidas.

  • Implantação de Ferramentas de Desenvolvimento

     

    A implantação de Ferramentas de Desenvolvimento requer uma avaliação minuciosa das várias alternativas disponíveis no Mercado frente as reais necessidades da empresa, visando a garantir que as funcionalidades oferecidas pela ferramenta estejam aderentes aos requisitos do Processo de Desenvolvimento de Sistemas: Técnicas utilizadas, Padrões de Nomenclatura adotados, Artefatos gerados, etc.

    A NEXON se propõe a apoiar a empresa na implantação de Ferramentas de Desenvolvimento e Repositório de Dados (Metadados). A partir da analise do Modelo de Requisitos Padrão da NEXON frente à Política, Estratégia de Atuação e abrangência do Processo de Desenvolvimento de Sistemas e Governança da Informação da empresa, são estabelecidos os requisitos e então, conduzida a avaliação de Ferramentas, aferindo o grau de atendimento das mesmas.

    Para facilitar a escolha da Ferramenta de Desenvolvimento a ser implantada, é apresentada uma análise comparativa das mesmas, considerando a pontuação atribuída aos Requisitos e outros aspectos qualitativos que eventualmente poderão intervir no processo.

    O Serviço de Implantação de Ferramentas de Desenvolvimento compreende a incorporação da Ferramenta adotada ao Processo de Desenvolvimento, customizando a ferramenta ou adequando o processo, dependendo da capacidade de customização oferecida pela ferramenta escolhida; sempre objetivando automatizar o máximo possível o Processo de Desenvolvimento.